Da justiça…ou da falta dela….

Quando alguém “vai ao focinho a um outro alguém” obviamente que se aplica um castigo.
E se assim não fosse viveríamos numa sociedade anárquica, sem Lei, nem Rei.

Mas quando o castigo é, por si só, um exagero…levanta mil e uma questões.

Mais…quando se sabe que a dita “justiça” aplicou pena usando pesos e medidas diferentes…outras mil e uma questões se me levantam, a mim, mulher …que nada sei…ou que até sei um pouco mais do que o que deveria saber.

…da falta de caráter

É a humana condição, dizem uns.

Eu digo, porém, que é a manifestação de um oportunismo que enoja.

Fazer vénias, dizer “amén”, lamber botas para…quando a crise estala desatarem a fugir como ratos em navio prestes a ir ao fundo…é covardia, é falta de caráter, é não assumir o que se ajudou a destruir.

Em política não há amigos: há oportunistas…como está, mais uma vez, provado!

É feio…muito feio.

Mas isto todos nós já o sabíamos…Vê-lo escrito é que escandaliza ainda mais, caramba!

Enfiai lá as frases pomposas no devido orifício…

“O Governo dará este domingo “uma informação” relativa à “aplicação de uma condição de recurso sobre as pensões de sobrevivência”, durante o Conselho de Ministros que discutirá o Orçamento para 2014.”

Mania de usar palavras “caras”…grandes frases para dizer o “Óbvio”- entenda-se “óbvio” como sinónimo de “Olhai …estais é £@£€{#”, palavras já tão habituais… nas habituais comunicações deste nosso governo.

Pensão de sobrevivência que tanto incomoda os nossos governantes.

Mas não lhes dá pensar em cortar as reformas dos que nadam em dinheiro.

Que se têm dinheiro trabalharam para isso, foram empreendedores….(dirão alguns)

Do mesmo modo o comum cidadão que gere as suas despesas com parcos recursos trabalhou uma vida para ter …migalhas! (Digo eu)

Portanto, meu senhores, enfiai lá as frases pomposas no devido orifício e depois tomai um laxante!!!

Mal Educado!

“- Desculpa, uma palavrinha…

Não.

– Queria falar contigo .

Mas não quero eu!

Espequei…na ombreira da porta …vendo-o afastar as suas elevadas costas e não menos imaculado (???) traseiro….

E pensei para comigo: “Chega uma mulher a uma idade destas para aturar falta de educação de quem devia ter um comportamento, no mínimo, profissional.”

E ali fiquei eu e os meus brancos cabelos, tomada pela incredulidade … e pela indignação.

Ora então…vejamos.

Lembrais-vos disto?

Pois é….

http://www.publico.pt/sociedade/noticia/rede-de-centros-que-substituem-novas-oportunidades-ainda-sem-data-para-abrir-1607759

A Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional (ANQEP) anunciou terça-feira que deu por concluída a análise das candidaturas à criação das estruturas que substituirão os centros Novas Oportunidades, cuja abertura tinha sido prometida pelo Governo para o início do presente ano lectivo. As aulas começaram há duas semanas, já a entrada em funcionamento dos chamados “Centros para a Qualificação e Ensino Profissional” (CQEF) não se avizinha para breve.

A ANQEP só na terça-feira começou a comunicar os resultados da avaliação às entidades candidatas, que terão agora dez dias úteis para se pronunciar sobre a avaliação feita. No fim desse processo será elaborado um relatório final e só depois será apresentada a proposta de constituição da rede dos novos CQEF, cujo número máximo já se encontra fixado – 120.

Na prática, denunciou também a Associação Nacional de Profissionais de Educação e Formação de Adultos (ANPEFA), “não há oferta de educação de adultos desde Agosto de 2012”, altura em que os centros Novas Oportunidades foram impedidos de receber novas inscrições.”…(…)

Mangualde foi preterido por VISEU!

Mangualde foi preterido por Viseu e eu não me conformo.

VISEU tinha sido encerrado por este mesmo Governo por incumprimento. O Centro Novas Oportunidades, em Mangualde, continuou em funções pois deu mostras de desenvolver um trabalho exemplar!

Agora Mangualde perde o Ensino de Adultos que passará, então, a funcionar em VISEU! – “COMO? EM VISEU? O tal Centro que tinha sido encerrado?” Olé!!! Nem mais…nem menos!

Oferta de formação aos adultos do Concelho, postos de trabalho...uma mais valia para o Concelho de Mangualde que foi ao “ar”-Puufffporque alguém não quis…ou não se mexeu como era sua obrigação.

Estou indignada como Mangualdense que sou e penso que todos os Mangualdenses comungam deste mesmo sentimento: é injusto e estão a premiar a incompetência! Nunca pensei viver para assistir à recompensa, não do mérito, mas do incumprimento!

Não me calarei…isso garanto!

Palavra de Whiteball

[Logo, quando enfrentar os meus alunos e perguntar pelos trabalhos de casa vão surgir alguns a dizer que não os trouxeram e eu direi – “Deixa lá…não faz mal: irás ter melhor classificação do que os outros que até trazem ali os trabalhitos, feitos com tanto esforço!]

Parece que a ideia , agora, segundo percebo pelas atitudes do nosso governo, é recompensar precisamente quem não faz, quem não cumpre…

SEJA….