O Absurdo da gestão PSD/PP

1. À atenção da campanha eleitoral do Partido Socialista. Os dados publicados hoje pelo INE mostram quão profunda foi a recessão provocada pelo “ir além da troica”. Comparando trimestres homólogos, o PIB de 2014 está ao nível de 2001: é como se tivéssemos andado 13 anos para trás!
2. O INE mostra também quão brutal foi o aumento de impostos: a carga fiscal passou de 31,6% do PIB em 2010 para 34,9% em 2013.
3. Entretanto, temos a terceira mais alta taxa de desemprego de toda aOCDE.
4. E ainda hoje o BBVA anunciou o fecho das operações em Portugal, o que, somado à decisão do Barclays, significa mais 2.000 pessoas no desemprego.
5. Não basta ignorar os ataques histéricos de Rangel e Melo. É preciso esfregar-lhes na carinha (em sentido figurado, evidentemente) estes e muitos outros resultados da política que propagandeiam.

…da falta de caráter

É a humana condição, dizem uns.

Eu digo, porém, que é a manifestação de um oportunismo que enoja.

Fazer vénias, dizer “amén”, lamber botas para…quando a crise estala desatarem a fugir como ratos em navio prestes a ir ao fundo…é covardia, é falta de caráter, é não assumir o que se ajudou a destruir.

Em política não há amigos: há oportunistas…como está, mais uma vez, provado!

É feio…muito feio.

Mas isto todos nós já o sabíamos…Vê-lo escrito é que escandaliza ainda mais, caramba!

Diálogo e Tolerância

Sim, diálogo e tolerância não foram apenas palavras para Nelson Mandela- foram muito mais que paravras, foram acões!

Poder-se -á dizer o mesmo da atuação deste governo nosso?

Onde está o diálogo? Ora pois, um diálogo para enganar os néscios mas que, no fundo….só deixa prevalecer a vontade de quem detém o poder.

Tolerância…”queredo”! Nem querem ouvir tal….É coisa que não existe no dicionário de suas excelências…. (reparai que coloquei em letra minúscula propositadamente)….

E depois ainda há alguns que têm a indecência e o despudor de insultar Mário Soares…

(inveja é coisa ruim…e pecado, já agora!)

Fraca memória e ausência de caráter…

Circulam por aí uns jovens ( e outros menos jovens)de ideias (digamos, à direita) que, mal grado dizerem-se do lado da Verdade…tentam ofuscá-la com meias verdades quando esta, a dita “Verdade”, não lhes convém. Pergunto eu:- “Que é isto senão má-fé?”- “Que é isto senão falta de Honestidade?”-”Que é isto senão falta de vergonha”?

E preocupo-me pois tanto repetem a mentira que acabam por se convencer que é Verdade a mentira que apregoam. E vivem dela e por ela. Sobem aos púlpitos e exultam.

Ora, atingido este “estádio” já não se pode criticar a pobre criatura. Ela acredita MESMO naquilo que diz.

Outros, no entanto, conservando alguma lucidez deixam que assim se comportem e nada fazem para impedir tamanho engano, pois que lhes convém que assim seja. Estes sim, critico ferozmente. Pois que são oportunistas e sabem onde acaba a Verdade e começa a Mentira. E atingidos os seus objetivos conservam-se de consciência tranquila – prova de quão fraca memória têm. Fraca memória e ausência de caráter. E pior do que tudo isso junto é  dar-se este caso curioso e lamentável – passam a medir os outros pelos seus padrões de comportamento.

 

 

Pelos vistos o dinheiro abunda em certos partidos

Como sabemos os partidos têm parte das suas campanhas pagas pelo estado., Ou seja pelos nossos impostos. E acho bem. Os partidos são fundamentais em democracia e a democracia tem custos.

Mas a verdade é que atravessamos um momento muito difícil, em que os portugueses passam por dificuldades extremas.

Assim, esperava-se por parte das campanhas para as eleições autárquicas, que fossem simples e comedidas nos gastos. Despesas de ostentação são, quanto a mim, um verdadeiro insulto aos desempregados e aos que passam dificuldades.

João Azevedo tem afirmado que pretende fazer uma campanha de contacto pessoal, olhos nos olhos, sem grandes eventos e sem despesismo. Até agora de facto tem sido assim.

No entanto, tal não acontece na generalidade do país e mesmo em Mangualde. Então a coligação de direita que tanta se preocupa com as despesas, que tanto fala em contenção e na situação do país, acaba de lançar um infomail por correio e colocar em várias zonas outdoors como este.

psd

Seguem o truque de esconder o símbolo dos partidos é verdade, ( está lá piquininino) mas sinceramente é  como se costuma dizer : “Bem prega frei Tomás, faz o que ele diz e não o que ele faz..”.

 Pelos vistos o dinheiro abunda por esses lados. Já agora quando se diz um homem de palavra está a dizer-se que os outros não têm ????? hummm ! Mau aspecto.

Um "arrufuzeco"…ou a triste figura dos nossos políticos e outros "laranjas"…

Parece que Paulo Portas vai permanecer no Governo:

“O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, anunciou neste sábado que o novo acordo de coligação entre o PSD e o CDS prevê a subida de Paulo Portas ao cargo de vice-primeiro-ministro, com a responsabilidade da coordenação das políticas económicas, o relacionamento com a troika e a reforma do Estado.

Com Paulo Portas à sua direita e em silêncio, Passos Coelho confirmou também que Maria Luís Albuquerque se mantém como ministra de Estado e das Finanças. Mas, ao dar ao líder do CDS-PP a coordenação económica e o relacionamento com os credores da troika, coloca-o acima da governante, cuja escolha determinou o seu pedido de demissão na terça-feira.”

Público

Vai ser bonito…

Recordemos um excerto da “carta de demissão de Portas”:

Continue reading