A partir de Outubro vamos pagar menos pela água.

A Autarquia de Mangualde aprovou, a proposta de novos tarifários de águas para o concelho de Mangualde que contempla um modelo progressivo do preço da água em função do consumo, fixando preços para cada escalão. Os novos tarifários enquadram-se nas normas e recomendações da ERSAR, normalizando assim tarifários e serviços municipais de água. A proposta inclui os serviços de abastecimento de água, de saneamento de águas residuais e de gestão de resíduos urbanos.

Preço da água vai baixar

Preço da água vai baixar

 Para o edil mangualdense, João Azevedo, “a nova proposta de tarifários de água foi trabalhada com o objetivo, se possível, de reduzir o preço da água para as pessoas e esse trabalho foi conseguido.” O autarca considera que “os mangualdenses vão sentir, a partir de outubro, uma redução da fatura da água, que em alguns casos pode ser significativa.” Acrescentando, “fizemo-lo sem colocar em causa a sustentabilidade e eficiência do serviço e seguindo as recomendações da Entidade Reguladora.”

Mangualdenses presentes nos Jogos Paralímpicos Rio 2016

De 7 a 18 de setembro, os atletas mangualdenses Cristiano Pereira, Carina Paim e Miguel Monteiro, da Casa do Povo de Mangualde vão representar Portugal nos Jogos Paralímpicos Rio 2016, a decorrer no Rio de Janeiro (Brasil). O Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, reuniu com os atletas e com o treinador João Amaral para desejar boa sorte e pedir bons resultados.

Comitiva mangualdense

Comitiva mangualdense

 O evento vai juntar mais de 4.300 atletas de 176 países naqueles que serão os primeiros Jogos na América do Sul. Portugal estará representado por uma delegação composta por 28 atletas que competirão nas modalidades de atletismo, boccia, ciclismo, equitação, judo, natação e tiro. A participação portuguesa nos Jogos Paralímpicos Rio 2016 pode ser acompanhada ao pormenor no site do Comité Paralímpico de Portugal e nas suas redes sociais.

Caixa… Mas se a PAF nada fez … é preciso resolver … certo pafiosos?

Pafiosos cada vez mais ... digamos... esquecidos

Pafiosos cada vez mais … digamos… esquecidos

Já agora é bom esquecer. Lembram-se do BES? A PAF garantiu, não uma, nem duas, nem três vezes… mas dezenas e dezenas de vezes que era uma solução maravilhosa e sem custos para o contribuinte.

Até colocou a sua estrela , o Serginho , a liderar a venda.

Afinal todas as notícias apontam para mais uma oferta de amigos no Novo Banco, assim tipo BIC. Ou seja vamos pagar.

Autarquia de Mangualde concede Bolsas a estudantes universitários

CANDIDATURAS DE 1 DE OUTUBRO A 15 DE NOVEMBRO

 Atendendo à conjuntura socioeconómica, um grande número de famílias vê-se obrigada a desistir de alguns projetos de vida, nomeadamente, no investimento na prossecução dos estudos dos seus educandos. Consciente do seu papel social, e no sentido de contrariar esta tendência, a Câmara Municipal de Mangualde vai conceder, pela primeira vez, bolsas de estudo a estudantes do ensino superior para que continuem a sua formação académica. A medida visa estimular e motivar os jovens na sua formação pessoal e académica e apoiar financeiramente todos aqueles que, não obstante as suas capacidades, são economicamente desfavorecidos, adotando neste sentido, políticas educativas e sociais que promovam a igualdade de oportunidades e a coesão social.

 A Câmara Municipal vai atribuir, anualmente, bolsas de estudo até ao valor de dez mil euros, podendo ou não o município aumentar o valor estipulado em regulamento mediante reforço em orçamento do exercício do ano seguinte. Este auxílio financeiro é atribuído a alunos, residentes no concelho de Mangualde, que concluíram com sucesso o ensino secundário e que pretendam ingressar na universidade, mas que não dispõem de meios suficientes para suportarem os encargos correspondentes à frequência de cursos que conferem o grau de licenciatura ou mestrado.

 A educação e a formação dos jovens do concelho de Mangualde são fatores essenciais para o desenvolvimento económico e social do município e da região. Para o autarca de Mangualde, João Azevedo, ‘este desenvolvimento só será possível com pessoas preparadas para enfrentar os desafios, as exigências e as mudanças cada vez maiores da atualidade mundial e económica’.

Ter nacionalidade portuguesa ou estar autorizado a residir em Portugal pelos serviços competentes; não ter já habilitações ou cursos equivalentes àqueles que pretende frequentar; não possuir por si ou através do seu agregado familiar, um rendimento mensal per capita superior ao indexante dos apoios sociais (IAS); ser estudante a tempo inteiro e não exercer profissão remunerada, são condições para proceder à candidatura.

As candidaturas para a concessão de bolsas deverão ser apresentadas anualmente, em formulário próprio, de 1 de outubro a 15 de novembro, no Gabinete de Ação Social de Mangualde. Os alunos que não conseguirem reunir toda a documentação necessária no prazo estabelecido, depois de informados os serviços, ficarão obrigados a fazê-lo até ao dia 30 de novembro, sendo excluídos, se tal não se verificar.

Os interessados podem consultar o ‘Regulamento Municipal de Atribuição de Bolsas de Estudo ao Ensino Superior’ e o ‘Boletim de inscrição’ no portal municipal (www.cmmangualde.pt):

Regulamento em http://www.cmmangualde.pt/wp-content/uploads/2016/06/Regulamento-BolsasdeEstudo.pdf

Ficha de inscrição em http://www.cmmangualde.pt/wp-content/uploads/2016/08/Boletim-candidatura-BolsasEstudo.pdf

São consideradas como condições preferenciais para a atribuição deste apoio social:

  • Situações de maior vulnerabilidade económico-social do agregado familiar, designadamente de desemprego, doença grave e permanente de qualquer um dos elementos do agregado, com efeitos diretos no respetivo rendimento mensal;
  • Famílias monoparentais;
  • Famílias com elementos portadores de deficiência, mediante a apresentação de documentação comprovativa da mesma;
  • Ter frequentado o ensino secundário na escola do concelho;
  • Melhor aproveitamento escolar obtido no ano letivo anterior;
  • Melhor média de classificação nos últimos três anos.

E PP vendo o PP aos interesses do capital dos comunistas angolanos

PP

PP

A aliança entre a direita portuguesa representada pelo PP e o grande capital dos comunista angolanos ficou clarinha  nos últimos dias. Os velhos do CDS, o partido dos “retornados” ficou furioso. mas o dinheiro manda e quem o diz são antigos dirigentes do CDS. E vejamos:

1-Manuel Monteiro denuncia as ligações entre dirigentes do CDS e negócios angolanos, considerando que o partido “se vendeu aos interesses pessoais e de negócios do dr. Paulo Portas”;

2-Monteiro diz:  “Podem dizer que são democratas-cristãos, mas na realidade o que lhes interessa são os negócios, são os interesses pessoais de quem passou pela política para tratar da sua vida e não da vida dos cidadãos.”;

3- Portas limita-se a defender os interesses da  Mota-Engil em Angola;

4- Basílio Horta afirma que “quando se mistura negócios com a política dá sempre resultados imprevisíveis, sem princípios ideológicos”;

5-Portas vai como convidado especial e  pessoal ao congresso dos comunistas angolanos ;

6-Hélder Amaral faz um discurso de amor eterno por Angola  e pelos camaradas do MPLA;

7- E a Cristas… ai a Cristas, veste-se de verde, saia curtinha e ao que parece recorda com saudade os seus tempos de infância em Luanda ( saiu de lá com um ano mas é cá uma memória…)

8-AH e alguns apresentam nas redes sociais o Portas como …. UM MISSIONÁRIO dos tempos modernos que vai trazer o MPLA para o caminho da salvação.

Tagged

Em 2 de setembro temos a 5ª edição do Mangualde Fashion

A «5ª edição do Mangualde Fashion» já tem data marcada para dia 2 de setembro, sexta-feira. O evento, com início marcado para as 21h00, realiza-se no Largo Dr. Couto e pretende, tal como tem acontecido em outras edições, ser um sucesso. A edição deste ano conta com a presença de Rute Marques, ex-modelo, apresentadora de televisão e atriz. Inserida na programação das Festas da Cidade, a iniciativa é promovida pela Câmara Municipal de Mangualde e conta com o apoio da Associação Empresarial de Mangualde.

 Este desfile de moda pretende, mais uma vez, dinamizar e promover as marcas e as lojas de Mangualde, envolvendo os vários representantes de roupa e acessórios, ourivesarias e relojoarias, sapatarias, cabeleireiros e óticas.

Rute Marques

Rute Marques

A convidada desta ano, Rute Marques, interpretou o papel de Eduarda Paiva em Morangos com Açúcar e foi a vencedora do concurso “Quinta das Celebridades 2”. A vida de modelo começou aos 14 anos e depressa se começa a assistir a uma ascendência profissional devido à sua beleza e postura. Tirou o curso de modelo e participou em diversos desfiles de moda, o que lhe permitiu alcançar o 2º lugar no Concurso World Top Model 1992. A ambição de querer fazer sempre mais lançou-a para o pequeno écran através da apresentação de programas. Entretanto, a sua carreira como profissional da moda, que durou 15 anos, é abandonada e Rute Marques dedica-se a outros projetos. Três anos mais tarde começaram os convites para a televisão. Entre 1995 e 1997 apresentou «Despedida de Solteiro»; «Tampamania da Pepsi» e «Isto Só Vídeo». Irreverente, Rute encara mais um desafio e, desta vez, aceita apresentar o programa «Reis da Música Nacional» em parceria com Pedro Miguel Ramos. Depois do sucesso alcançado, Rute Marques casa com Bernardo Macambira e é mãe de um rapaz, o Martim. Foi federada em Voleibol e natação no F.C. Porto.

MARCAS PARTICIPANTES

Os Traquinas, Ourivesaria Pereirinha, F7, Cabeleireiro Espelho Mágico, Cabeleireiro Nova Gente, Fátima Abrantes, Nani Noivas, XOOK – Comércio de Vestuário, Soft, Mazur, Tweed, Konsenso, Alcofinha, Alcofinha Sapatos, Rodeo Company Sportwears, Rodeo Company Kids, Optivisão, Papelaria Adrião, Fernandos, OMB, Estúdios Visor, Dia D, Boutique Filimoda,  XOOK e Maria Carmelinda são as marcas que aderiram a esta iniciativa.

III Encontro Gastronómico Amador de Abrunhosa-A-Velha,

Presidente da Junta e vice presidente da autarquia em visita aos chefes

No passado sábado, 13 de agosto, centenas de pessoas deliciaram-se no III Encontro Gastronómico Amador de Abrunhosa-A-Velha, um evento que aliou a gastronomia, a animação e o artesanato. Na abertura do encontro marcou presença o Vice-Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, Joaquim Patrício e do Presidente da Junta de Freguesia de Abrunhosa-A-Velha, Eduardo Albuquerque. Com esta iniciativa a Junta de freguesia de Abrunhosa-a-Velha pretende divulgar a gastronomia tradicional do concelho.

 Sopa de barbo (Chef João Tomé), rojões de porco preto com batata cozida (Chef Gonçalves), massa à lavrador (Chef Constantino), trutas em molho de escabeche com broa (Chef Moreira) e pão milho, centeio e bolas de chouriço no forno a lenha (Chef Américo), fizeram as delícias de todos os presentes. A entrada tinha o custo simbólico de cinco euros e permitiu aos visitantes provar os vários “pratos” apresentados, bem como desfrutar de muita animação.

A iniciativa, promovida pela Junta de freguesia de Abrunhosa-a-Velha, contou com a colaboração da Câmara Municipal de Mangualde, do grupo Desportivo e Recreativo de Vila Mendo de Tavares, da Associação Humanitária e Cultural de Abrunhosa-a-Velha, do Estrela do Mondego Futebol Club, do Centro Paroquial de Abrunhosa-a-Velha, do Racho de Carnaval da freguesia de Abrunhosa-a-Velha, das Marchas dos Santos Populares de Abrunhosa-a-Velha e do Hotel Mira Serra.

Ainda os fogos

Como toda a gente se tornou especialista em combate a incêndios … resolvi ficar calado. Mas deixo aqui apenas alguns pontos óbvios. Eu não percebo nada disto, mas ao menos tento pensar um bocadinho

-A responsabilidade essencial pelo aumento dos fogos chama-se: desenvolvimento industrial e abandono do interior (desertificação);

-Querer comparar os fogos de antigamente com os fogos atuais é ridículo;

-De uma maneira geral os bombeiros são abnegados, deixam tudo o que têm e não têm no combate, mas… quem os dirige … esses  precisam de estudar o combate aos fogos e ter menos “manias” e menos “amarelos” nas fardas;

-Não deixa de ter piada ver o partido que localmente tanto critica a direção dos bombeiros locais, andar pelos meios de comunicação e redes sociais a incendiar a opinião pública;

-Nada me garante que fique mais barato o combate pela força aérea. (tenho sérias dúvidas até)

-Militar não é bombeiro; Não sabe nem tem perfil para esse trabalho;

-Prevenção sim, mas … se olharem para os outros países … não chega.

-Falar em limpeza das matas como único aspeto da prevenção, é ridículo. Limpar junto das aldeias sim. Agora limpar a floresta é impossível e até mesmo errado;

-Sim, existem interesses económicos no negócio dos fogos;

-Sim, a plantação de pinheiros em Portugal, ainda nos tempos de Salazar é um dos fatores que explicam os fogos;

-Sim os eucaliptos não podem continuar a crescer de forma livre;

-Quando se ouvem responsáveis por todo este sistema como aquele senhor dos bombeiros o Jaime qualquer coisa falar nos erros cometidos é hilariante. Claro que quando lhe dizem para reduzir as verbas para o combate e aumentar a prevenção até salta;

-Sim, este ano as temperaturas estão muito mais elevadas e as matas mais secas.  Ao ler alguns comentários até parece que temos tido um tempo polar e fortes chuvadas;

-Sim o tipo da Madeira é um idiota politicamente falando que se limitou a enganar a opinião pública em nome do turismo e do armanço que não precisavam de ajuda;

-Sim, as nossas televisões são coordenadas por doentes. Só pode.