Cuidadinho com o C . Não escreva site.om… ou pode acabar com virús

Coisas de pirataria. O site da PPLWARE    alerta para mais um truquezinho. Este tenta aproveitar erros de escrita do utilizador. Imagine que escreve netflix.om , ou facebook.om ou gmail.om ou muitos outros. Ou seja em vez de com escreve por lapso apenas om.

Retirado de pplware.sapo.pt

Pois em vez de receber uma mensagem de erro em muitos casos vai parar a um site que existe com mais ou menos semelhanças ao real. E nesse site é pedido que atualize algo, por exemplo o flash.

Pois não o faça… ou terá problemas

estes sites existem registados em Omã, que usa precisamente “om” como elemento nos seus dominios

Conhece o SYNC.ME?

Imagem através do site

O Sync.ME é uma aplicação muito utilizada em smartphones e tablets.

Tem várias vantagens nomeadamente permite a pesquisa livre a partir de um contacto, a identificação de nome e foto de chamadas efectuadas e recebidas, bloquear chamadas de spam e identificação de chamadas desconhecidas. Ou seja, tal como muitas semelhantes é um auxiliar interessante na gestão de contactos. Seria mesmo uma aplicação quase indispensável no nosso telemóvel.Por exemplo, aqueles senhores que nos ligam muitas vezes das várias empresas de serviços eram logo sinalizados.

Só que….. tal como a generalidade destas aplicações é instalada de forma displicente. Vamos à loja , ao GooglePlay ou à apple ,  instalamos e sempre em frente. Por exemplo autorizamos a consulta dos nossos contactos de telefone, mail etc.

Ao fazer isso estamos a dar dados a encher a base dados da aplicação . Logo se um amigo meu aceitou e instalou esta ou  outra aplicação e caso ele me tenha nos seus contactos os meus dados vão para  a base de dados e aparecem caso eu telefone a outra pessoa que tenha o programa. Mesmo em caso de telefone desconhecido.

Por exemplo vá esta página da aplicação  e coloque os seus números de telefone. Ou muito me engano ou terá uma surpresa. O seu nome e dados vão aparecer. Claro que como estamos a testar na página WEB e não na aplicação, apenas se indica o nome e pouco mais. Já na aplicação no telemóvel poderiam surgir fotos e mais detalhes de localização.

Saliento de novo que no meu caso nunca usei a aplicação. Mas estou lá.

É certo que podemos pedir para retirar o nosso contacto. Mas o ideal era, sempre que possível, não aceitar a consulta/partilha das nossas informações.

Colóquio “Os novos desafios da educação no território Viseu Dão Lafões”

Primeiro dia do colóquio contou com a participação de mais de 170 professores da região

Mesa de Abertura

A Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões realizou, no passado dia 27 de fevereiro, no auditório da biblioteca municipal de Mangualde, o primeiro dia da 4ª edição do colóquio, subordinado ao tema “Os novos desafios da educação no território Viseu Dão Lafões”, inserido no projeto “Empreendedorismo nas escolas da CIM Viseu Dão Lafões”.
De destacar a presença de mais de 170 professores, de vários níveis de ensino, provenientes de várias escolas da nossa região.
O Presidente do Conselho Intermunicipal da CIM Viseu Dão Lafões, José Morgado Ribeiro, referiu, a título de balanço, “que o primeiro dia de trabalhos do colóquio- Os novos desafios da educação no território Viseu Dão Lafões- foi extremamente positivo, pois proporcionou um espaço de reflexão sobre a visão e a estratégia que a CIM Viseu Dão Lafões tem para o território, quer no âmbito de novas abordagens em matéria de promoção do sucesso escolar, quer para a promoção do empreendedorismo nas escolas”.
O Colóquio, promovido pela CIM Viseu Dão Lafões, em parceria com os quatro Centros de Formação de Professores da Região, reuniu diversos especialistas na área do empreendedorismo e da educação, nomeadamente, o Professor David Justino, Presidente do Conselho Nacional da Educação e ex-Ministro da Educação.
Os cerca de 170 professores da região Viseu Dão Lafões, que participaram nesta sessão, não quiseram, mais uma vez, de deixar de marcar presença num colóquio em que discussão e reflexão de práticas, estratégias e projetos adequados aos novos desafios da educação esteve sempre presente.
De realçar, que a Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões, decidiu, este ano, realizar este colóquio, que já vai na sua quarta edição, na cidade de Mangualde, tendo o Senhor Presidente da Camara Municipal de Mangualde, João Azevedo, na sessão de abertura, dado nota deste facto e realçado que esta “descentralização é muito importante para a competitividade dos territórios e para a sua atratividade”. O Senhor Presidente da Câmara Municipal de Mangualde realçou, ainda, “o trabalho extraordinário que a CIM Viseu Dão Lafões tem vindo a fazer no âmbito do empreendedorismo, onde se destaca o projeto de empreendedorismo nas escolas”.
A apresentação de novas abordagens e a apresentação de boas práticas na educação, associado ao desenvolvimento de dinâmicas e atividades pedagógicas (workshops temáticos), serão o foco do segundo dia do colóquio, que terá lugar no próximo sábado, 5 de março, também na cidade de Mangualde.